Conheça o Rio Arapiuns

Powered by Rock Convert

O Rio Arapiuns é um dos afluentes do Tapajós, o rio de águas verdes responsável pela beleza única das praias da região de Alter do Chão. Apesar de ser menos famoso que os vizinhos Tapajós e Amazonas, não faltam atrações para quem quiser se aventurar a conhecer o Arapiuns.

Para chegar lá, saindo da vila de Alter do Chão, é preciso atravessar o Tapajós de barco em um passeio que pode durar um ou dois dias. Neste post, vamos explicar como funciona esse passeio e o que o viajante vai encontrar no Rio Arapiuns. Continue lendo e descubra!

Um mergulho no coração da Amazônia

Diferentemente do Tapajós, o Arapiuns é um rio de águas negras, que vão ficando mais claras à medida que nos aproximamos de sua foz, onde ele se encontra com o Tapajós. Ao longo desse percurso, dezenas de praias de areia fina e clara se formam, especialmente durante a época das secas. No auge da estação, é possível encontrar imensas dunas, com dezenas de metros de extensão.

À medida que se avança em direção à nascente do rio, os viajantes passam por muitas comunidades ribeirinhas, como as do Urucureá, do Coroca e do Anã, lugares de gente simples, hospitaleira e que vive de maneira modesta e integrada à natureza. Os ribeirinhos vivem de pesca, cultura de frutas, apicultura e criação de aves e porcos.

No Lago Grande, é possível caminhar por horas na companhia de pássaros e observar os botos que nadam e brincam nas águas desse lago, separado do rio pelas dunas que se formam na seca. Outro destaque do percurso é a Praia Grande, que chega a ter quilômetros de extensão e uma beleza de tirar o fôlego durante o verão, época em que as águas ficam mais baixas. Na margem esquerda, a Ponta do Icuxi se destaca pelas piscinas naturais de águas azuladas formadas entre as dunas.

Powered by Rock Convert

No fim do percurso, a 100 quilômetros de distância da foz, encontra-se a cachoeira do Aruã. Lá, além de nadar, fazer trilhas e praticar canoagem, é possível passar a noite em uma pousada local ou acampar. Um pouco antes da cachoeira, o Arapiuns se divide e mergulha de vez no coração da Floresta Amazônica, que ele ainda vai percorrer por mais centenas de quilômetros.

O funcionamento do passeio no Rio Arapiuns

Para embarcar numa excursão pelo Arapiuns, é necessário adquirir o pacote em algumas das agências que funcionam no centro da vila. Basta procurar pelo Centro de Atendimento ao Turista. Como se trata de um percurso longo, incluindo a travessia do Tapajós, que pode produzir ondas de dois metros, evite embarcações menores. Prefira barcos e lanchas com mais equipamentos de segurança e tripulação experiente.

As saídas ocorrem, normalmente, entre as 9h e 10h da manhã, e os retornos, logo depois do pôr do sol. Existe a possibilidade de fazer o trajeto de dois dias, com pernoite na cachoeira do Aruã ou em alguma comunidade ribeirinha. Os preços do passeio de um dia podem variar entre R$ 130 e R$ 200 por pessoa dependendo de quem vende e da negociação, que é mais fácil na baixa temporada. Costuma-se cobrar taxas extras de R$ 20 a R$ 50 para visitar projetos ou almoçar nas comunidades ribeirinhas.

Se você se encantou com a possibilidade de conhecer o Rio Arapiuns, considere fazer uma viagem para Alter do Chão. Para aproveitar o melhor da região, fique hospedado no Beloalter Hotel.

Entre em contato conosco e descubra tudo o que Caribe Amazônico tem a oferecer.

Powered by Rock Convert
Deixe um comentário

Share This